11/11/2020 às 16h24min - Atualizada em 11/11/2020 às 16h24min

Por irregularidades, Trump entra com ação para impedir vitória de Biden em Michigan

Equipe do republicano quer impedir a certificação do resultado

Kaio Lopes
Da Redação
EXAME (Reprodução)
A equipe do presidente Donald Trump, através de uma ação movida num Tribunal Federal no oeste de Michigan, solicitou nesta quarta-feira (11) que o estado não registre a certificação que oficializa a vitória do democrata Joe Biden. 

As alegações que sustentam a denúncia vão desde inúmeros depoimentos de eleitores sobre irregularidades constatadas durante a votação até depósitos de células ilegais e inelegíveis em favor dos democratas nas urnas, além de um suposto esquema parcial na observação de regras do distanciamento social contra os republicanos. 

Na segunda-feira (09) o Tribuna Nacional já havia noticiado a respeito da recontagem de votos no Condado de Antrin - que registrou uma reviravolta nos resultados finais e mostrou a vitória de Trump. 

Os republicanos solicitam que não haja a oficialização da vitória de Biden sem que, antes disso, ocorra uma rígida apuração das denúncias.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »