22/10/2020 às 14h49min - Atualizada em 22/10/2020 às 14h49min

''Nanicos projetos de ditadores'', diz Bolsonaro sobre Dória

Presidente se manifestou nesta quinta

Kaio Lopes
Da Redação
(REPRODUÇÃO)
O presidente Jair Bolsonaro, durante conversa com apoiadores nesta quinta-feira (22), comentou a respeito da declaração de Mariângela Simão, vice-presidente da OMS (Organização Mundial da Saúde), através da qual ela sugere não concordar com a obrigatoriedade na aplicação da vacina chinesa enquanto em sua fase inicial. 

Bolsonaro aproveitou a deixa para criticar a postura do governador João Dória - após o mesmo reiterar que no Estado de SP todos deverão ser compulsoriamente vacinados: ''Ontem a OMS se manifestou contra a obrigatoriedade da vacina e disse que é contra medidas autoritárias. Quer dizer que a OMS se manifestou depois que eu já havia me manifestado. Dessa vez, estão se informando corretamente, talvez até me ouvindo. Realmente, impor medidas autoritárias só para esses nanicos projetos de ditadores, como esse cara de São Paulo. Não ouvi nenhum chefe de estado do mundo dizendo que iria impor a vacina quando ela tivesse. Ninguém''. 

O chefe do Executivo ainda parabenizou o atual posicionamento do órgão: ''Parabéns à OMS! Começaram a acertar. Estão começando agora a se informar melhor''. 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »