20/09/2020 às 12h33min - Atualizada em 20/09/2020 às 12h33min

Professora universitária é afastada após desejar morte dos apoiadores de Trump

Entenda:

Kaio Lopes
Da Redação
DAILY MAIL (REPRODUÇÃO)
Uma professora democrata, ou liberal nos EUA, foi afastada da Universidade Marshall, localizada na Virgínia Ocidental - ao sul do país, por ter um vídeo viralizado na qual deseja a morte dos apoiadores de Donald Trump.

O vídeo, supostamente gravado por um dos seus alunos, mostra Jennifer Mosher dizendo: 'Você não pode discutir com eles, não pode falar sensatamente com eles. Eu disse a alguém ontem que espero que todos morram antes da eleição'', em alusão aos republicanos. 

Tornada pública a declaração de Mosher, a instituição emitiu um comunicado reiterando não tolerar o menosprezo à pessoas com opiniões dissonantes: ''A Universidade não apóia ou tolera o uso de qualquer uma de suas plataformas educacionais para menosprezar as pessoas ou desejar prejudicar aqueles que têm opiniões políticas divergentes''. 

A professora está em licença administrativa e afastada da sala de aula, pelo menos até a apuração e consequente conclusão dos fatos.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »