18/09/2020 às 01h41min - Atualizada em 18/09/2020 às 01h41min

Mais um lockdown em Israel de 3 semanas, a partir de hoje.

Escolas e Shoppings Centers , Restaurantes e Hotéis serão fechados, apenas supermercados e farmácia permanecerão abertos.

Cristina Barroso
Reprodução
Lockdown de 3 semanas em Israel a partir de sexta-feira (18), véspera do Rosh Hashaná, o ano novo judaico, numa tentativa de conter a propagação do vírus da Covid-19, anunciou o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.

Escolas e Shoppings Centers , Restaurantes e Hotéis serão fechados, apenas supermercados e farmácia permanecerão abertos.
O setorpúblico vai operar com quadro de funcionários reduzidos e escritórios não governamentais e empresas podem fucionar mas sem receber clientes.


Em discurso Netanyahu declarou:
“Eu sei que essas medidas vão cobrar um preço alto para todos nós...”
“Este não é o tipo de feriado a que estamos acostumados. E certamente não poderemos comemorar com nossos parentes”, acrescentou.

Netanyahu tem enfrentado crescentes críticas por sua forma de lidar com a pandemia de Covid-19, e instruiu seu ministro das finanças a apresentar um novo pacote econômico para as empresas prejudicadas pelo bloqueio.

Yaakov Litzman, ministro da Habitação no gabinete de Netanyahu, renunciou ao cargo por não concordar com as novas medidas de isolamento social. Líder de um grupo ultraortodoxo da coalizão governamental, Litzman condenou o primeiro-ministro por impedir que judeus religiosos frequentem sinagogas durante o ano novo.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »