11/09/2020 às 20h35min - Atualizada em 11/09/2020 às 20h04min

Deputado pede providências de Damares Alves contra Netflix

Filme da plataforma, "Cuties", está sendo acusado no mundo todo de promover a pedofilia

Fernanda Salles - tribunanacional.com.br

O Deputado Federal Junio Amaral (PSL-MG), encaminhou um ofício para a ministra Damares Alves, nesta sexta-feira (11), solicitando providências do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos contra a exibição do novo filme da Netflix, “Cuties” ou “Lindinhas” em português.

 

Amaral, que faz parte da base conservadora do governo, publicou sobre sua ação em seu twitter oficial.

 


"Cuties" está sendo considerado um prato cheio para pedófilos.

O longa conta a história da protagonista, uma menina senegalesa de apenas onze anos, que se envolve com um grupo de “twerk” (dança sensual comum nos Estados Unidos) em sua nova escola, o que a coloca em conflito direto com a sua família e sua religião.

 

As cenas de exposição das menores de idade geraram revolta na internet, o que fez com que o trailer do filme no Youtube atingisse mais de 1 milhão e 700 mil deslizes. 

 

A Netflix está sendo acusada de promover a sexualização de crianças e incentivar a pedofilia. Apesar disso, o filme foi lançado no último dia 9 de Setembro e está disponível na plataforma para maiores de 16 anos.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você votaria em Bolsonaro para Presidente em 2022?

90.8%
9.2%