05/09/2020 às 13h46min - Atualizada em 05/09/2020 às 13h46min

Chavistas perdem status diplomáticos no Brasil

Itamaraty, em nota, afirma serem ''personas non-gratas''

Kaio Lopes
Revista Oeste
(REPRODUÇÃO)
O Itamaraty lançou uma nota nesta sexta-feira, (04), formalizando a retirada do status diplomático dos chamados ''chavistas'', que antes representavam oficial a ditadura venezuelana de Nicolás Maduro no Brasil. A decisão não afeta a permanência legal deles em território brasileiro, mas, entre outros fatores, revoga os privilégios e as imunidades inerentes à carreira. 

''A declaração de ‘persona non grata’, instrumento jurídico amplamente reconhecido e utilizado nas relações internacionais, é prerrogativa que os Estados possuem para indicar que um representante oficial estrangeiro não é mais bem-vindo como tal em seu território”, destaca nota do Ministério das Relações Exteriores.'', diz o comunicado. 

Além do Brasil, outras 50 nações, incluindo os EUA, reconhecem Juan Guaidó como o presidente interino da Venezuela, em razão de fraudes eleitorais que possibilitaram a reeleição de Maduro.



 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »