01/09/2020 às 10h45min - Atualizada em 01/09/2020 às 10h45min

Bolsonaro prorroga auxílio emergencial até dezembro com parcela de R$ 300

Vinicius Mariano
O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira (01) a prorrogação do auxílio emergencial até o mês de dezembro, porém com o valor de R$ 300,00. Antes da declaração, o chefe do Executivo se reuniu com parlamentares no Palácio da Alvorada para discutir os valores e também falar o Orçamento de 2021.

Em agosto, o presidente havia dito que uma prorrogação após esse período é inviável. Sobre a quantia, ele disse que R$ 600 é muito e R$ 200 é pouco e também criticou quem está reclamando da redução dizendo que o auxílio "não é aposentadoria", mas uma ajuda emergencial.

“Você vê, nós colocamos auxílio emergencial (inicialmente) por três meses, tem cara que reclama que é pouco, agora, custa para todo mundo R$ 50 bilhões por mês. Ai prorrogamos para mais dois, R$ 250 bilhões. A gente prefere até o final do ano uma importância menor do que R$ 600. Tem cara já reclamando, o tempo todo assim. Isso não é aposentadoria, é uma ajuda emergencial. Eu sei que é pouco para quem recebe, mas ajuda, pô, é melhor do que nada”, ressaltou.

O tempo de duração previsto para o benefício era de três meses, mas o benefício acabou sendo prorrogado por mais dois e, agora, por mais 4, com valores reduzidos. A proposta inicial de valores sugerida por Bolsonaro era de R$ 200, no entanto, o próprio governo aumentou para R$ 600,00.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »