31/08/2020 às 10h45min - Atualizada em 31/08/2020 às 10h45min

Com assinatura da CartaCapital, Flávio Dino gasta R$ 700 mil

Enquanto o Maranhão enfrenta um caos

Kaio Lopes
LINHARESJR.COM.BR
CARTACAPITAL (REPRODUÇÃO)
Conforme noticiou o jornalista Roberto Linhares Jr, em 29/08, com base em dados oficiais do governo do Maranhão, o governador do estado, Flávio Dino, mesmo em meio à pandemia do coronavírus e a situação de pobreza da região, gastou cerca de R$ 700 mil reais na compra de 1.472 exemplares da revista esquerdista ''CartaCapital'' - a serem distribuídas na rede estadual de ensino durante o período de um ano. 

A solicitação ocorreu sob dispensa licitatória, a partir das medidas tomadas para o suposto ''enfrentamento da COVID-19''. O curioso, no entanto, é que em 02/08, pouco antes do início da solicitação (ocorrido em 12/08), a revista estampou Dino na capa como ''INIMIGO PARAÍBA'', em alusão ao seu posicionamento oposto ao governo Bolsonaro. 

Às custas do povo maranhense, o governador do estado financia a esquerda em plena situação de calamidade pública. 

{As informações aqui contidas reproduzem, com redação própria, as informações divulgadas pelo LINHARESJR.COM.BR}

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »