27/08/2020 às 18h57min - Atualizada em 27/08/2020 às 18h57min

Apesar do coronavírus, SP é responsável por 22% dos empregos gerados em Julho

Dados são do CAGED

Kaio Lopes
Caged/GeografiaBR
A CRÍTICA (REPRODUÇÃO)
Conforme dados divulgados pelo CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). sistema que regula os dados empregatícios no país, e reproduzidos pela página ''Geografia BR'', o Brasil fechou o mês de julho com um saldo positivo de 104.330 contratações formais para relações de trabalho. As estatísticas ainda revelam um contraste entre as duas maiores economias do país: enquanto SP retém 22,01% dos empregos, o RJ teve uma oscilação negativa próxima de 7 mil.

Apesar dos setores primários terem sido diretamente prejudicados pela crise gerada pelo cenário pandêmico, os serviços secundários e, especialmente, terciários - relacionados à uso de pessoal e prestação de serviços essenciais - mantiveram um equilíbrio no maior estado do país. 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »