15/08/2020 às 15h12min - Atualizada em 15/08/2020 às 15h12min

Covid-19 é produto de laboratório chinês e nenhuma vacina irá impedi-lo, destaca cientista italiano

O Prof. Giuseppe Tritto diz que não há como o coronavírus Wuhan (COVID-19) ser capaz de se transferir de morcegos para seres humanos sem algum tipo de adulteração via engenharia genética deliberada,

Luiz Custodio
LifeSiteNews.com e NaturalNews.com
Um renomado especialista em biotecnologia que diz a narrativa oficial da pandemia são notícias falsas. Tritto também vincula o Instituto de Virologia de Wuhan à França e aos EUA, demonstrando como os [des]governos desses dois países forneceram aos comunistas da China os recursos financeiros e científicos necessários para desencadear este experimento de bioengenharia, que teve um impacto global devastador.


Covid-19 é produto de laboratório chinês e nenhuma vacina vai curá-lo, declara renomado cientista

O presidente da Academia Mundial de Ciências e Tecnologias Biomédicas (WABT), Tritto conduziu uma investigação que o levou à conclusão de que o coronavírus Wuhan (COVID-19) ganhou a funcionalidade de transmissão cruzada de espécies devido à adulteração via engenharia genética que ocorreu
 no Wuhan Institute of Virology (WIV), o único laboratório de biossegurança de nível quatro [BSL-4, construído pelos franceses] da China.

 

Em seu livro intitulado,  Cina COVID 19: La Chimera che ha cambiato il Mondo , que se traduz como “China COVID 19: A quimera que mudou o mundo”, Tritto explica como o coronavírus do Exército de Libertação do Povo (PLA) foi geneticamente modificado para tornar-se o vírus da China que está sendo relatado em todo o mundo hoje. Ele diz que o novo vírus é uma quimera, o que significa que o vírus foi criado em um laboratório e não pela natureza.

Tritto também vincula o Instituto de Virologia de Wuhan à França e aos Estados Unidos, demonstrando como os governos desses dois países forneceram à China comunista os recursos financeiros e científicos necessários para desencadear este experimento de bioengenharia, que teve um impacto global devastador.
“Embora nem os virologistas americanos nem franceses sejam responsáveis ​​pelo resultado final – um vírus altamente infeccioso e uma pandemia global – seu envolvimento inicial pode explicar por que tantos insistem que a ‘quimera’ deve ter vindo da natureza”, escreve Steven Mosher para o site  LifeSiteNews“A última coisa que eles querem admitir é que podem ter tido uma participação nesse imbróglio”.
Anthony Fauci é o responsável direto por facilitar o coronavírus nos EUA
Grande parte da história começa em 2003 com a pandemia de SARS, que foi basicamente o coronavírus de Wuhan, parte um. Foi nessa época que a China comunista tentou enganar o mundo para que aceitasse uma vacina para seu coronavírus versão 1.0, que nunca se concretizou da forma como o covid-19 2.0 está se manifestando agora.
Parte do processo de desenvolvimento da vacina para o coronavírus 1.0 envolveu a engenharia genética de cepas virais com patogenicidade reduzida que ainda eram fortes o suficiente para provocar uma resposta imune. A genética reversa que foi usada, entretanto, resultou em cepas virais com patogenicidade aumentada .
Mais tarde, essas cepas de vírus supervirulentos foram manipulados com genomas de vírus HIV usando o “sistema de genética reversa”. O Dr. Shi Zhengli, responsável por esse programa no laboratório WIV, é quem inseriu esse segmento do HIV em um coronavírus descoberto em morcegos-ferradura, tornando-o mais infeccioso, letal e transmissível de humano para humano.
O Prof. Ralph S. Baric, da Universidade da Carolina do Norte, também estava envolvido, já que recebia grandes somas de bolsas provenientes de nada menos que o Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas (NIAID), controlado por Anthony Fauci.
“Fauci era um grande defensor da pesquisa de ‘ganho de função’ [engenharia genética para “armar” um vírus] e, quando isso foi proibido no laboratório de Baric por ser considerado muito perigoso, a pesquisa foi transferida para a China”, explica Mosher.
Em poucas palavras, o que começou como um projeto para desenvolver uma vacina contra a SARS se transformou em um efeito contrário ao se usar a “engenharia genética reversa” para construir armas biológicas letais, por isso agora temos o coronavírus Wuhan (COVID-19). E Fauci é o culpado direto por essa pandemia global , que foi eclodida e desencadeada com a ajuda dos dólares dos contribuintes norte americanos que Fauci redirecionou para essa pesquisa nefasta .
E talvez a pior parte de tudo isso é que o Partido Comunista Chinês (PCC) agora se recusa a divulgar o código genético original do vírus que resultou na existência do coronavírus Wuhan (COVID-19), o que significa que nenhuma vacina eficaz será desenvolvida pelo Ocidente.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »