22/05/2022 às 10h16min - Atualizada em 22/05/2022 às 10h16min

OMS alerta que reuniões em massa criarão 'pandemia de varíola'

A OMS está alertando que reuniões em massa neste verão podem acelerar a propagação da varíola e causar outra pandemia global nos próximos meses.

Luiz Custodio
Summit.news
Os casos de varíola no Reino Unido, onde o vírus chegou pela primeira vez por cortesia de alguém que voltava da Nigéria, mais que dobraram.

Uma dúzia de outros países também relataram casos do vírus, que pode causar doenças graves em crianças pequenas, mulheres grávidas e pessoas imunocomprometidas.

Reportagens do Summit.news : Aglomerados de casos foram observados entre homens homossexuais, que correm mais risco de pegar o vírus de parceiros sexuais.

 

De acordo com a  Sky News , “exatamente o que está causando o maior surto do Reino Unido é um mistério”, especialmente porque especialistas em saúde afirmaram anteriormente que a varíola dos macacos não era muito transmissível entre os seres humanos, com alguns especulando que ela sofreu uma mutação.

Agora, a Organização Mundial da Saúde está alertando que festivais de verão e reuniões de massa podem acelerar a propagação da varíola.

“À medida que entramos na temporada de verão na região europeia, com reuniões de massa, festivais e festas, estou preocupado que a transmissão possa acelerar, pois os casos atualmente detectados estão entre aqueles que praticam atividade sexual e os sintomas são desconhecidos para muitos. ” disse o Dr. Hans Kluge, diretor regional da OMS para a Europa.

O vírus também está se espalhando ao mesmo tempo em que a OMS se prepara para votar um tratado internacional de pandemia e emendas ao Regulamento Sanitário Internacional (2005).

Segundo os críticos, o tratado “daria à OMS não eleita maior controle das decisões nacionais de saúde de emergência e novos poderes para impulsionar passaportes de vacinas, vigilância global e “ações globais coordenadas” que abordam “desinformação” sempre que declarar uma “emergência de saúde”. ”

É claro que todos esses medos serão naturalmente descartados como “desinformação” pelos 'verificadores de fatos' alinhados à OMS no devido tempo.

Como documentamos no vídeo abaixo, o CDC nigeriano está pedindo a seus cidadãos que parem de comer 'carne de mato' - que inclui macacos e ratos - para impedir a propagação do vírus.

O NHS no Reino Unido também postou uma mensagem em seu site pedindo às pessoas que não toquem ou consumam 'carne de mato', que está disponível no mercado negro em áreas etnicamente diversas de Londres.



Bill Gates executou o jogo de guerra que simulou a pandemia global de Monkeypox matando milhões
CEO da Pfizer anuncia microchips rastreáveis ​​em pílulas para inaugurar a 'Nova Ordem Mundial'
A corrupção da OMS é a maior ameaça à saúde pública mundial do nosso tempo
Denunciante da ONU: “Monkeypox é uma arma biológica”
EUA compram milhões de vacinas contra Monkeypox após um caso confirmado em Massachusetts
O raro vírus Monkeypox chega, assim como Gates e a OMS 'previram' - vacinas 'milagrosamente' prontas
MEDO POR NOVA DOENÇA CHAMADA MONKEYPOX já leva clínicas do Reino Unido a trazer de volta o distanciamento social

 

Considere apoiar o Tribuna Nacional
Precisamos do seu apoio para continuar nosso jornalismo baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado Profundo que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. 

ESTAMOS NO GETTR


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunanacional.com.br/.