05/08/2020 às 13h44min - Atualizada em 05/08/2020 às 13h44min

Bolsonaro se propõe a ajudar o Líbano

Anúncio foi feito nesta quarta

Kaio Lopes
R7
Imagens são impressionantes (EXAME - REPRODUÇÃO)
O presidente Jair Bolsonaro, após ato cerimonial da pasta de Minas e Energia, nesta quarta-feira, (05), anunciou que deverá enviar ajuda ao Líbano como forma de contribuir para a recuperação do país após a explosão ocorrida em uma zona portuária de Beiruti, sua capital, e que vitimou mais de 100 pessoas. 

''O Brasil vai fazer mais do que um gesto, algo de concreto, para atender, em parte, aquelas dezenas de milhares de pessoas que estão em uma situação bastante complicada'', afirmou o chefe do Executivo, salientando, ainda, que já contatou o embaixador libanês. 

Em seguida, durante fala com os jornalistas, Bolsonaro destacou já haver comunicação em São Paulo com um grupo de representantes libaneses, intuindo definir as ações de enfrentamento à tragédia: ''Estamos em contato com a comunidade libanesa. Porque eles tem como melhor dizer o que eles precisam e que a gente pode atender. Entrei em contato agora com o Ernesto Araújo (o diplomata e atual Ministro das Relações Exteriores), com o Fernando Azevedo e Silva (Ministério da Defesa), foi desde ontem. Nós temos problemas com os meios, porque as Forças Armadas tiveram seus meios bastante debilitados ao longo das últimas décadas. Temos o KC 390 que podemos colocar a disposição do povo daquele país''.

Atualmente, conforme dados oficiais, foram mais de 4 mil feriados em decorrência da explosão de terça-feira, (05). 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você votaria em Bolsonaro para Presidente em 2022?

90.2%
9.8%