04/08/2020 às 20h49min - Atualizada em 04/08/2020 às 20h49min

Ghislaine Maxwell pede sigilo na internet

Os advogados de Ghislaine Maxwell, pediram a um juiz federal para impedir que evidências relacionadas ao seu caso sejam compartilhadas na internet.

Cristina Barroso
Daily Caller
Google reprodução
A confidente e ex-namorada do criminoso sexual Jeffrey Epstein, Ghislaine Maxwelll, foi presa pelo Federal Bureau of Investigation.
A herdeira britânica e socialite, acusada de envolvimento nos crimes de Epstein contra mulheres jovens, foi presa pelo FI EM Bradford, New Hampsshire, disse porta voz do FBI Tina Jagerson à Daily Caller News Foundaton.

Epstein morreu aparentemente de suicídio em uma prisão de Nova York em agosto de 2019.

O grande júri do Tribunal de primeira instância do sul de Nova York indiciou Maxwell pos acusações de conspiração envolvendo crianças em atos sexuais ilegais e perjúrio.

Segundo a acusação as vítimas tinham apenas 14 anos de idade e Epistein e Maxwell sabiam que as vítimas eram menores de idade.
Também descreve a acusação como Maxwell supostamente preparou as vítimas para Epstein, sendo que ele tinha preferência sexual por meninas menores de idade.

De acordo com a acusação, Maxwell primeiro fazia amizade com as meninas, perguntava sobre suas vidas, escola, família e amigos.Passava um tempo com elas levando-as às compras, ao cinema, declarou a acusação.
Maxwell normalizava o abuso sexual às vítimas, despindo-se na frente delas, discutindo assuntos sexuais, estava presente quando a vítima estava despida e quando praticavam atos sexuais com Epstein. Isso ajudava a tranqüilizar as vítimas porque havia uma mulher adulta pro perto, segundo  acusação.

Os advogados de Ghislaine Maxwell, pediram a um juiz federal para impedir que evidências relacionadas ao seu caso sejam compartilhadas na internet.
Os advogados da socialite britânica pediram ao tribunal, em uma carta, para impedir que as vítimas ou seus advogados compartilhassem informações vinculadas ao julgamento de Maxwell na internet, por incluir "imagens, vídeos ou outras imagens de pessoas nuas, parcialmente nuas ou de outro modo sexualizadas," informou a Fox News.

Os advogados de Maxwell destacaram preocupações de que muitas das “potenciais testemunhas do governo” já estão envolvidas em processos contra Maxwell.
Abaixo lista de ricos e famosos que participavam das supostas escapadas pervertidas no avião particular de Epstein, chamado de “Lolita Express”, e na ilha caribenha de Epstein, chamada por muitos de “Orgy Island” ou “Island of Sin”. Os dois também passavam as vítimas para os famosos e amigos do casal.
Príncipe Andrew, Bil Clinton, Chris Tucker, David Koch, Sarah, Duquesa de York,  Elon Musk,  Kevin Spacy,  Lloyd C. Blanlfein,  Michael Bloomberg,  Mick Jagger,  Naomi Campbell, Roger Waters, Tamara Mellon entre tantos outros.
 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você votaria em Bolsonaro para Presidente em 2022?

90.1%
9.9%