28/12/2021 às 10h10min - Atualizada em 28/12/2021 às 10h10min

QUEM É O NEGACIONISTA? Quatro jovens estrelas do futebol de quatro países diferentes morrem esta semana após sofrer ataques cardíacos repentinos

Quatro jovens estrelas do futebol internacional morreram esta semana após sofrer um ataque cardíaco repentino.

Luiz Custodio
transfermarkt.com / mirror.co.uk / kingfut.com

O jogador de futebol croata Marin Cacic, o jogador internacional de Omã Mukhaled Al-Raqadi, o goleiro egípcio Ahmed Amin e o jogador de futebol argelino Sofiane Loukar morreram esta semana, informou o mundo COVID .

 

Em 22 de dezembro, o jogador internacional de Omã Mukhaled Al-Raqadi , de 29 anos , morreu tragicamente após desmaiar durante um aquecimento antes de um jogo doméstico contra o Al-Suwaiq.

Al-Raqadi foi levado às pressas para o hospital mais próximo de ambulância. O motivo de sua morte foi um ataque cardíaco, relatou o observador de Omã .


No mesmo dia, o goleiro do Al-Rebat e do Al-Anwar SC, da terceira divisão do Egito,  Ahmed Amin faleceu após sofrer um ataque cardíaco repentino.

Ahmed Amin sofreu uma parada cardíaca e perdeu a consciência no vestiário após seu treinamento com sua equipe. A equipe médica do clube tentou reanimá-lo sem sucesso e prontamente o levou para o hospital. Ele foi declarado morto na chegada e a causa da morte foi uma parada cardíaca.

Marin Cacic , um zagueiro croata de 23 anos, morreu no hospital poucos dias depois de desmaiar durante um treino. Ele foi imediatamente levado às pressas para o hospital e foi diagnosticado com insuficiência cardíaca. Ele foi então colocado em estado de coma. Infelizmente, em 23 de dezembro, ele foi declarado morto.

 

Considere apoiar o Tribuna Nacional
Precisamos do seu apoio para continuar nosso jornalismo baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado Profundo que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. 


ESTAMOS NO GETTR


 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunanacional.com.br/.