24/12/2021 às 09h20min - Atualizada em 24/12/2021 às 09h20min

Não quero conflito sobre a Ucrânia, mas a expansão da OTAN é inaceitável: Putin

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse na quinta-feira que a Rússia não queria conflito com a Ucrânia ou o Ocidente, mas disse claramente que a Otan não deveria se expandir para o leste em direção à Rússia. Ele estava falando em sua coletiva de imprensa anual de fim de ano.

Luiz Custodio
wionews.com/

Fonte

Putin acrescentou que a Rússia recebeu uma resposta geralmente positiva às propostas de segurança que entregou aos EUA neste mês. Ele disse que as negociações começarão no início do próximo ano em Genebra.

A Rússia apresentou na semana passada aos Estados Unidos e à OTAN propostas preliminares, resumindo suas demandas em troca de uma redução das tensões sobre a ex-Ucrânia soviética.
 

Os documentos afirmam que a OTAN não deve admitir novos membros na aliança militar e apelam ao estabelecimento de bases militares em ex-países soviéticos.

“Não deve haver nenhuma expansão da Otan para o leste”, disse Putin a jornalistas em sua coletiva de imprensa anual de fim de ano.

"A bola está na quadra deles. Eles precisam nos fornecer alguma resposta ”, disse ele, mas acrescentou:“ No geral, vemos uma reação positiva ”.

“Os parceiros dos EUA nos disseram que estão prontos para começar essa discussão, essas conversas, bem no início do próximo ano em Genebra”, disse Putin, acrescentando que representantes de ambos os lados foram nomeados. 

As demandas de longo alcance da Rússia foram rejeitadas por vários membros da aliança liderada pelos Estados Unidos. 

Washington disse que estava aberto para discussões, mas ainda não deu uma resposta detalhada às propostas de Moscou.

Os governos ocidentais acusaram Moscou de reunir tropas perto de sua fronteira com o leste da Ucrânia, onde Kiev luta contra separatistas pró-Rússia logo após a anexação da Crimeia em 2014.

Os Estados Unidos e a Europa advertiram a Rússia que há o risco de sanções sem precedentes se Putin lançar um ataque militar contra a Ucrânia, aliada da OTAN.

 

Considere apoiar o Tribuna Nacional
Precisamos do seu apoio para continuar nosso jornalismo baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado Profundo que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. 




ESTAMOS NO GETTR  



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunanacional.com.br/.