01/12/2021 às 10h35min - Atualizada em 01/12/2021 às 10h35min

Cardiologista com 3 doses da vacina transmite variante Omicron para outro cardiologista também totalmente vacinado

Embora a transmissão do vírus, apesar do status de vacinação, coloque toda a narrativa da vacina em questão, ela reforça os argumentos que culpam a vacina por espalhar a mesma doença que ela deve curar.

Luiz Custodio
.infowars.com
 

Mesmo três doses da vacina Covid não são suficientes para prevenir a transmissão da nova variante Omicron, se os relatórios de Israel forem verdadeiros.

De acordo com uma conversa no Twitter, já houve uma transmissão comunitária da nova variante do coronavírus entre trabalhadores médicos israelenses totalmente vacinados que até mesmo receberam injetores de reforço, lançando dúvidas sobre a eficácia da vacina.

 

 

“Israel agora está relatando a transmissão comunitária de Omicron de um cardiologista com 3 doses para outro cardiologista com 3 doses”, destilou um coletor de notícias de mídia social.

A notícia do repórter foi baseada em uma reportagem da agência de notícias Israel Public Broadcasting Kann News, que tuitou um alerta na segunda-feira sobre uma transmissão do Omicron entre um cardiologista de 70 anos e outro médico do Hospital Sheba.

Embora a transmissão do vírus, apesar do status de vacinação, coloque toda a narrativa da vacina em questão, ela reforça os argumentos que culpam a vacina por espalhar a mesma doença que ela deve curar.

 

 

A notícia da transmissão chega quando Israel, no fim de semana, impõe uma das proibições mais rígidas do mundo para viagens dentro do país devido ao novo tipo.


 

Considere apoiar o Tribuna Nacional
Precisamos do seu apoio para continuar nosso jornalismo baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado Profundo que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. 



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunanacional.com.br/.