24/07/2020 às 22h40min - Atualizada em 24/07/2020 às 22h40min

Roberto Jefferson diz que “Supremo é a lata de lixo da esquerda brasileira” em entrevista

Ex-deputado disse também que o pior dos ministros é Alexandre de Moraes, pois advogou para empresas ligadas ao PCC

Vinicius Mariano
O presidente do PTB e ex-deputado Roberto Jefferson
O presidente do PTB, Roberto Jefferson, disse em entrevista ao programa Os Pingos Nos Is, da Jovem Pan, nesta sexta-feira (24), que o Supremo Tribunal Federal é a lata de lixo da esquerda brasileira: "esse supremo de hoje é composto de dois juízes da justiça do trabalho, que é uma justiça meia boca, e de 9 advogados da indicação do lobby dos bancos, das empreiteiras, da JBS, da TV Globo, de partidos políticos de esquerda... é o que há de pior. Esse supremo de hoje é a lata de lixo da esquerda brasileira", disse o ex-deputado na entrevista por telefone. Jefferson também disse que o pior dos ministros é Alexandre de Moraes por ter advogado para empresas ligadas à facção criminosa PCC.

Na tarde desta sexta-feira, Alexandre de Moraes, relator do inquérito ilegal das fake news no STF, mandou censurar a conta de Roberto Jefferson no Twitter e mais 15 contas de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro. Dentre os censurados, estão os jornalistas Bernardo Küster e Allan dos Santos, o empresário Luciano Hang, a ativista Sara Winter, presa por ordem de Alexandre em junho, e até o militar da reserva Winston Rodrigues Lima.

O inquérito que censurou as contas dos apoiadores do presidente é ilegal nos termos do próprio regimento interno do STF, que diz, em seu artigo 43, que "Ocorrendo infração à lei penal na sede ou dependência do Tribunal, o Presidente instaurará inquérito, se envolver autoridade ou pessoa sujeita à sua jurisdição, ou delegará esta atribuição a outro Ministro". No entanto, o suposto crime de fake news inventado pelo ministro não aconteceu nas dependências do Supremo Tribunal Federal e nem em sua sede.

Confira a entrevista de Roberto Jefferson à Jovem Pan

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você votaria em Bolsonaro para Presidente em 2022?

90.2%
9.8%