24/07/2020 às 15h04min - Atualizada em 24/07/2020 às 15h04min

A CENSURA NAS REDES SOCIAIS É UMA TRISTE REALIDADE

Nos últimos dias perfis conservadores com o do Bernardo Kuster, Allan dos Santos e pasmem, Roberto Jefferson tiveram suas contas suspensas no Twitter. Constatamos que essa censura é absolutamente seletiva, a perseguição aos conservadores é pública e notória.

Cristina Barroso
O que mais enfureceu os globalistas e a mídia mundial foi a vitória do presidente americano Donald Trump, deixando mais do que claro o poder das redes sociais ao substituírem o próprio establishment midiático utilizando-se da divulgação de inúmeras notícias que são propositalmente ocultadas pelos jornais de propriedade dos bilionários.
De fato, o Facebook, o Youtube, Twitter e a Google são empresas ligadas a esses bilionários, mas sua estrutura tomou proporções que fugiram do controle, levando a sua própria derrota.
Acontece que os métodos de controle já estão em ação. Basta perceber a quantidade de queixas e protestos de pessoas que acusam as mídias sociais, principalmente o
 Facebook, de censurarem suas ideias, críticas, notícias e apagarem páginas e perfis pessoais.
Agora o Twitter aderiu a censura sem nenhum pudor. O que nos causa estranheza não é o perfil censurado, mas quem é o dono do perfil e sua tendência política.
Nos últimos dias perfis conservadores com o do Bernardo Kuster, Allan dos Santos e pasmem, Roberto Jefferson tiveram suas contas suspensas no Twitter.
Constatamos que essa censura é absolutamente seletiva, a perseguição aos conservadores é pública e notória.
Redes sociais alternativas livres de censura — Steemit

Redes sociais alternativas livres de censura — Steemit



Até quando vamos aceitar essa arbitrariedade?
Cadê a nossa liberdade de expressão?


Perfis de esquerda podem até desejar explicitamente a morte do presidente da República, mas se um perfil de direita falar mal de um ministro do STF é enquadrado na Lei de Segurança Nacional, sofre busca e apreensão, são presos sem saber exatamente do que são acusados.
Diante dessa aberração, ter seu perfil nas redes sociais suspenso é o menor dano que podemos sofrer, mas não podemos nos calar e nem permitir que nos calem.

#CensuraNão
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você votaria em Bolsonaro para Presidente em 2022?

90.2%
9.8%