19/11/2021 às 11h52min - Atualizada em 19/11/2021 às 11h52min

Marilia Mendonça entra para o "Clube dos 27"?

Embora o Clube esteja amplamente conectado a músicos, expandiu-se desde então, pois muitos jovens atores e artistas morreram devido a diversos fatores, desde vícios e suicídios a acidentes estranhos.

Cristina Barroso
(REPRODUÇÃO)
O Clube do 27 se tornou uma das coincidências mais  trágicas da história do mundo artístico.
O termo se tornou amplamente conhecido após a morte de Kurt Cobain em 1994, com os fãs de rock conectando sua idade à de Jim Morrison, Janis Joplin, Brian Jones e Jimi Hendrix - embora fosse notável para os fãs no início dos anos 1970, quando aqueles quatro visionários morreram apenas dois anos separados um do outro.
Quando Amy Winehouse faleceu aos 27, em 2011, atraiu ainda mais atenção para o significado da idade.

Embora o Clube esteja amplamente conectado a músicos, expandiu-se desde então, pois muitos jovens atores e artistas morreram devido a diversos fatores, desde vícios e suicídios a acidentes estranhos. 
Um número alto de músicos e artistas morrem por volta dos 27 anos, por abuso de drogas ou de formas violentas, como suicídio ou acidentes.

Mas por que esse grande número de mortes por volta dos 27 anos?

Alguns estudos sugerem que jovens artistas tem uma taxa de mortalidade maior que de jovens comuns, devido a vida desregrada e abuso de álcool e drogas.  A fama e a proximidade de ambientes tóxicos são, para muitos, alguns motivos para que esse Clube dos 27 exista.
Até onde sabemos, todo misticismo e teorias sobre o tema não passa de especulação.
Muitos desses artistas perderam suas vidas nas décadas de 60 e 70, esse fenômeno voltou a se repetir nas últimas décadas.

Relembrando apenas algumas dessas fatalidades:
Todos os integrantes da banda  Mamonas Assassinas morreram num trágico acidente de avião e por mais uma coincidência, os integrantes da banda beiravam a fatídica idade:
Dinho: 25 anos, Bento Hinoto 26 anos, os irmãos Sergio e Samoel Reoli 23 e 27 anos respectivamente e Julio Rasec 28 anos.

Em 13 de julho de 2020 em trágico acidente de carro morre Cláudio Rodrigues de Mattos, aos 26 anos, o Claudinho, que fazia dupla com Buchecha.
O cantor Gabriel Diniz morreu aos 28 anos após sofrer um acidente de avião em Sergipe em 27 de maio de 2019.

Mais recentemete a cantora Marília Mendonça, de 26 anos, morre em um acidente aéreo em uma cachoeira na zona rural de Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce, em Minas Gerais.
Em meios aos lamentos e mensagens de carinho de fãs, várias pessoas notaram uma certa semelhança em duas imagens que circularam nas redes sociais.

As fotos são da cantora e de Gabriel Diniz, pouco antes de falecerem em acidentes aéreos.  Ela usava uma roupa com estampa gepmétrica preta e branca e ele um boné também com essa mesma estampa.
Na comparação, os fãs falaram que a roupa “xadrez”, que os dois usavam antes de morrerem, está ligada a uma bandeira de corrida e significa “linha de chegada” ou “fim do jogo”. 
Muitas teorias sobre a morte de Marília circulam nas redes sociais, mas a coincidência da idade de falecimento continua sem explcação.
O que fica é a lembrança de carreiras talentosas que povoam nossa saudade.



Vamos relembrar das principais perdas desse  nefasto Clube.

Jim Morrison : O cantor e compositor Jim Morrison ficou conhecido por liderar a banda The Doors, uma das bandas mais influentes de rock psicodélico e blues rock.
Em 1971, Jim Morrison foi encontrado morto em seu apartamento em Paris. Algumas pessoas acreditam que sua morte foi causada por overdose de heroína, porém a autópsia do corpo nunca foi realizada e a causa continua sendo incerta. O laudo oficial constatou ataque cardíaco.

Jimi Hendrix: A causa da morte do lendário cantor e guitarrista Jimi Hendrix ainda é motivo de discussão entre algumas pessoas. Hendrix foi encontrado morto em 1970 no quarto de hotel de Monica Dannemann, pintora e namorada do guitarrista. 
 As circunstâncias eram super estranhas: Hendrix morreu asfixiado no próprio vômito, foram encontrados nove tipos de soníferos em sua corrente sanguínea e uma quantidade anormal de vinho em seu organismo.
 
Brian Jones: Cantor, compositor e um dos membros fundadores de uma das bandas mais clássicas de rock do mundo da música: The Rolling Stones.  Conhecido por seu estilo e sua vida 100% sexo, drogas e rock and roll, Brian Jones foi encontrado por sua namorada já sem vida no fundo da piscina de sua casa em 1969, aos 27 anos. 

Janis Joplin: Dona de uma voz inconfundível e um talento ímpar, Janis Joplin foi uma cantora e compositora que estourou no mundo da música no fim dos anos 60.
Em 1970, Janis passou por fases turbulentas entre relacionamentos amorosos e recaídas por drogas. 
Após não aparecer para gravações no estúdio, seu empresário Joe Cocker foi até o hotel onde Janis estava hospedada, arrombou a porta e encontrou Janis morta.

Kurt Cobain: O lendário líder, cantor e guitarrista da clássica banda grunge Nirvana também teve um fim trágico ainda com 27 anos.
Kurt conviveu e sofreu com vício em heroína, doenças físicas e mentais e pressões sociais como a exposição pública e fama. 
 O cantor foi encontrado morto em sua casa, 3 dias depois sua morte. A causa da morte foi um tiro de espingarda em sua cabeça.

 Amy Winehouse: A talentosíssima cantora e compositora britânica Amy Winehouse sofreu com o vício em drogas e álcool por grande parte de sua vida adulta.
Seu estado emocional delicado e pessoas tóxicas ao seu redor a fizeram afundar ainda mais no abuso de drogas. Em 2011, após um período de abstinência, Amy ingeriu uma quantidade alta de álcool que resultou em uma parada respiratória, aos 27 anos.

 André Pretorius: De origem sul-africana, o músico André Pretorius foi um dos integrantes fundadores da banda Aborto Elétrico (banda que deu origem a bandas super importantes para o rock brasileiro como Capital Inicial e Legião Urbana). 
Em 1988, quando morava em Frankfurt, na Alemanha, com sua avó materna, André Pretorius morreu de overdose aos 27 anos.

O fato de tantos dos maiores e mais influentes talentos da história  morrerem aos 27 anos é ainda mais bizarro, e quando você pensa nisso, é realmente assustador.
Apoie o jornalismo gratuito e independente
Seu apoio ajuda a proteger nossa independência para que o Tribuna Nacional continue oferecendo jornalismo independente de alta qualidade e gratuito para todos. Cada contribuição, seja grande ou pequena, ajuda a garantir nosso futuro. Se você puder, considere fazer uma doação mensal recorrente.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »