03/07/2021 às 13h59min - Atualizada em 03/07/2021 às 13h59min

Por que um laboratório militar dos EUA que lidava com doenças de alto nível foi fechado em julho de 2019?

O laboratório, que foi fechado há mais de meio ano, recentemente chamou a atenção do público porque uma petição enviada ao site da Casa Branca em 10 de março listava algumas coincidências de tempo entre o fechamento e o surto de COVID-19.

Cristina Barroso
SOTT
(REPRODUÇÃO)
Nunca vivenciamos uma pandemia que tivesse o poder de fechar o mundo. Toda polêmica que está sendo levantada sobre os perigos dos efeitos adversos dessas vacinas experimentais, roubam o sono dos despertos e que se indignam com o estrondodo silêncio da grande mídia e dos governos sobre o assunto. Mídias independentes que ousam esclarecer e informar sobre as vacinas são classificadas de propagadores de Fake News e Teóricos da Conspiração.
Estamos assistindo os EUA responsabilizar a China pela origem da pandemia de Covid-19. E se a origem for responsabilidade dos EUA?
Por esse motivo através de pesquisas nos deparamos com algumas publicações no mínimo interessantes e intrigantes. Decidimos exercitar a sua curiosidade e a
conselhamos que leiam primeiro a matéria,
 
O Psicopata Rockefeller Criou A Pandemia Da Gripe Espanhola Em 1918? “O Instituto Rockefeller e sua vacina bacteriana meningocócica experimental, ao contrário da mitologia aceita, podem ter matado 50-100 milhões de pessoas em 1918-1919.”
Seguimos agora com esta publicação do Global Times de 15 de março de 2020 por Leng Shumei.
Segue matéria na íntegra:

Internautas e especialistas estão pedindo ao governo dos Estados Unidos que divulgue informações sobre a suspensão de um laboratório de pesquisa de doenças infecciosas do Exército dos Estados Unidos, pois uma petição no site da Casa Branca listou eventos coincidentes entre o fechamento e o surto de COVID-19, instando o O governo dos EUA deve esclarecer se o laboratório estava relacionado ao vírus mortal.
Embora a origem do novo coronavírus ainda seja desconhecida e as teorias da conspiração tenham causado pânico generalizado, os especialistas disseram que a divulgação oportuna de informações ao público beneficiaria a unidade global e a cooperação contra a pandemia, que infectou mais de 150.000 pessoas e matou 5.400 em todo o mundo a partir de sábado.

O laboratório de Fort Detrick que lida com material causador de doenças de alto nível, como o Ebola, em Fredrick, Maryland, foi fechado depois que os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA emitiram uma ordem de cessar e desistir da organização em julho de 2019, de acordo com a mídia local .
A suspensão foi devido a várias causas, incluindo o não cumprimento dos procedimentos locais e a falta de treinamento de recertificação periódica para os trabalhadores dos laboratórios de biocontenção. O sistema de descontaminação de águas residuais do laboratório também não atendeu aos padrões definidos pelo Federal Select Agent Program, informou a mídia.

O laboratório, que foi fechado há mais de meio ano, recentemente chamou a atenção do público porque uma petição enviada ao site da Casa Branca em 10 de março listava algumas coincidências de tempo entre o fechamento e o surto de COVID-19.

Por exemplo, "uma 'gripe' em grande escala matou mais de 10.000 pessoas" nos EUA em agosto de 2019 após o fechamento; e a epidemia de COVID-19 estourou globalmente em fevereiro de 2020 após o evento organizado pelos EUA 201 - Um exercício de pandemia global - em outubro de 2019.

A petição também observou que muitas notícias em inglês sobre o fechamento de Fort Detrick foram excluídas em meio ao agravamento da pandemia de COVID-19, levantando suspeitas sobre a relação do laboratório com o novo coronavírus. Os peticionários instaram o governo dos Estados Unidos a publicar o verdadeiro motivo do fechamento do laboratório e a esclarecer se o laboratório estava relacionado ao novo coronavírus e se havia vazamento do vírus.

A petição recebeu pouco mais de 400 assinaturas até domingo.

Os internautas chineses pediram ao governo dos EUA para responder aos apelos do público o mais rápido possível.

“Não é um problema pequeno, a verdade deve ser publicada”, comentou um internauta.

"O mundo merece saber a verdade", disse outro.


Ni Feng, vice-diretor do Instituto de Estudos Americanos da Academia Chinesa de Ciências Sociais, pediu ao governo dos Estados Unidos que aumentasse a transparência nas questões relacionadas à pandemia COVID-19 em resposta a dúvidas generalizadas.
A origem do vírus deve ser decidida de acordo com pesquisas científicas, mas a questão urgente no estágio atual é cooperar na batalha global contra a pandemia, observou Ni.

Wang Yiwei, professor da Escola de Relações Internacionais da Universidade Renmin da China, concordou com Ni, observando que os EUA se comportaram mal com a China quando esta estava lutando contra a epidemia - acusando a China de baixa transparência e culpando um laboratório chinês por vazando o vírus.
Agora, a China conquistou a convicção do mundo com esforços e melhorias práticas. Os EUA devem cooperar sinceramente com a China e o mundo contra o vírus, segundo Wang.

A polêmica foi lançada! Afinal o vírus teve sua origem nos EUA ou na China?
Observem a questão da "Gripe Espanhola" que não foi uma gripe e muito menos teve oigem na Espanha.
Preparem a pipoca e sigam o fio...
LEIA TAMBÉM:

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »