03/03/2021 às 10h20min - Atualizada em 03/03/2021 às 10h20min

Com voto de Kassio Nunes, STF arquiva denúncia contra Lira e políticos do PP

Denúncia era sobre suposto envolvimento em desvios na Petrobras

Da Redação
O ministro Kassio Nunes | Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF
A Segunda Turma do STF arquivou, na última terça-feira (2), uma denúncia da PGR (Procuradoria Geral da República), por 3 votos a 2, contra o novo presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), os deputados Eduardo da Fonte (PP-PE) e Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) e o presidente do partido, o senador Ciro Nogueira (PP-PI).

Na denúncia, que apurava um esquema conhecido como "quadrilhão do PP", a PGR acusava os membros do Progressistas de envolvimento em desvios na Petrobras, investigados pela Operação Lava Jato. Essa denúncia já havia sido aceita, com o voto de Celso de Mello, em junho de 2019. No entanto, a defesa dos réus recorreram e conseguiram o arquivamento. Nessa ocasião, votaram contra a denúncia os ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Kassio Nunes. A favor, votaram Edson Fachin e Carmen Lúcia.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »