01/03/2021 às 16h13min - Atualizada em 01/03/2021 às 16h13min

Grupo Eleva Educação, do bilionário Paulo Lemann, está prestes a se tornar o maior grupo de educação básica do mundo

A Eleva pagará R$ 964 milhões pelas 51 escolas e a Cogna Educação comprará por R$ 580 milhões o sistema didático da Eleva.

Cristina Barroso
(REPRODUÇÃO)
Um dos princípios do capitalismo é a livre concorrência, no entanto, um elevado percentual de grandes empresas pratica algum tipo de monopólio com o objetivo de atingir maiores margens de lucro.
Praticar monopólio é ilegal, diversos países têm se voltado contra esse tipo de procedimento, embora sem alcançar grandes resultados, pois grandes corporações empresariais encontram maneiras de “driblar” as leis dos países nos quais estão instaladas.
A associação entre empresas do mesmo ramo de produção ou serviço com o objetivo de dominar o mercado, disciplinar a concorrência e maximizar seus lucros, estão cada vez mais presentes no mercado.

A Eleva Educação, que tem como um dos sócios o 2º homem mais rico do Brasil e 129º maior bilionário do mundo, Jorge Paulo Lemann, anunciou na segunda-feira (22) a compra das 51 escolas do Grupo Cogna, o maior consórcio de educação privada do país. Com a aquisição, o grupo fica mais perto de se tornar o maior do mundo em educação básica.
Dentre as escolas que a Eleva comprará, estão o Colégio pH, Centro Educacional Leonardo da Vinci, Colégio Lato Sensu, Sigma, Anglo 21, Anglo Alphaville, CEI (Natal), Colégio Integrado, Escola Santi, Colégio Visão, Colégios Embraer, Colégio Pitágoras, Centro Integrado de Ensino (CIE), Colégio Maxi, NeoDNA, Escola Chave do Saber, Motivo, Colégio do Salvador.
A Cogna Educação, que já controlava os sistemas Anglo, pH, Par, Pitágoras, Ético, Maxi e Rede Cristã, agora consolidará a posição de principal fornecedora de materiais didáticos no Brasil.

A Eleva pagará R$ 964 milhões pelas 51 escolas e a Cogna Educação comprará por R$ 580 milhões o sistema didático da Eleva. As transações ainda precisam passar pela aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), órgão antitruste brasileiro.

Truste: é uma forma de oligopólio desenvolvida a partir da junção de um grupo de empresas que se anulam quanto às suas respectivas autonomias para compor uma única corporação de maneira que possa se fortalecer, além de obter uma hegemonia em determinado mercado, controlando a disponibilidade de mercadorias e preços. Existem dois tipos de trustes, o vertical (atua em vários ramos) e horizontal (atua no mesmo ramo).

Agora, um dos donos da cervejaria ABInBev está no caminho de ter em sua carteira de investimentos, na qual figuram empresas como Lojas Americanas, Burger King e Kraft Heinz, o maior grupo de educação básica do mundo, se forem considerados o número de alunos. Com as escolas da Cogna sob o seu guarda-chuva, a Eleva deverá ficar com aproximadamente 120 mil estudantes.
A estratégia da Eleva será tomar a dianteira nesse processo de consolidação do setor "premium" de educação, aquele voltado às classes mais altas e que cobra as mensalidades mais altas. O dinheiro do IPO deve ser usado para aquisições. A operação, programada para este ano e que prevê arrecadar R$ 1,5 bilhão, está sendo tocada pelos bancos Goldman Sachs, Itaú BBA e Morgan Stanley.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »