11/01/2021 às 16h10min - Atualizada em 11/01/2021 às 16h10min

Vacina chinesa apresenta eficácia diferente na Indonésia

Vacina chinesa apresentou eficácia de apenas 65% no país do oriente. No Brasil, o governo Doria e o instituto Butantan afirmaram que o medicamento possuía 78% de eficácia nos casos leves e 100% nos casos graves

Vinicius Mariano
A Agência de Alimentos e Medicamentos da Indonésia afirmou, nesta segunda-feira (11), que a vacina chinesa, a Coronavac, teve apenas 65,3% de eficácia após testes clínicos realizados no país. Segundo a agência, os resultados ainda são preliminares.

O anúncio da agência indonésia ocorre após o governador de SP, João Doria (PSDB), anunciar, na última semana, que a eficácia da vacina chinesa no Brasil foi de 78% para casos leves e de 100% para casos graves. O imunizante é produzido pelo Instituto Butantan, que solicitou o uso emergencial da vacina à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) na quinta-feira (7), mas que alertou o instituto que recebeu, do estado de SP, documentação incompleta, conforme noticiou o Tribuna Nacional nesta matéria. A documentação que falta ser enviara, segundo a ANVISA, é fundamental para "viabilizar a avaliação, conclusão e a deliberação sobre a autorização de uso emergencial das vacinas”.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »