22/12/2020 às 13h54min - Atualizada em 22/12/2020 às 13h54min

Doria coloca SP na fase vermelha durante festas de final de ano

Comitê de saúde determinou que apenas "serviços essenciais" poderão funcionar nos dias 25, 26 e 27 e, depois, nos 1, 2 e 3 de janeiro

Vinicius Mariano
O governador de São Paulo, João Doria, determinou nesta terça-feira (22) medidas de endurecimento da quarentena com o aumento nas restrições de funcionamento de bens e serviços em todo estado. Assim, apenas serviços essenciais como transporte, saúde, padarias, mercados e farmácias poderão funcionar nos dias 25, 26 e 27 de dezembro e 1, 2 e 3 de janeiro.

"A gente precisa lembrar que não estamos em um momento de festas, nem de aglomerações. É nesses momentos que esse risco de descontrole da pandemia acontece e o mundo inteiro agora está aplicando medidas específicas neste momento. São Paulo sempre se diferenciou do resto do Brasil por honrar o seu compromisso de tomar as decisões no momento necessário e é isso que estamos fazendo agora", disse a secretária de desenvolvimento econômico, Patrícia Ellen.

A mudança só não será temporária para Presidente Prudente. Por conta do avanço nos casos e da falta de leitos de UTI, a região passa a ficar, até a próxima reclassificação, na fase vermelha, a mais restritiva do plano de flexibilização econômica.

“Essas medidas que nós estamos tomando são medidas duras, nenhum de nós aqui gosta de tomar esse tipo de medida, a gente sabe o sacrifício que todos estão fazendo, a gente sabe o sacrifício que setores da economia têm enfrentado nesse período, mas nós temos que fazer uma opção, a opção pela segurança, a opção por não corrermos riscos", afirmou o secretário-executivo do comitê de saúde, João Gabbardo.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »