18/12/2020 às 15h52min - Atualizada em 18/12/2020 às 15h52min

Prefeito de Porto Feliz sugere ‘mais leitura’ a quem ignora o tratamento com cloroquina contra a covid-19

Porto Feliz tem uma das menores taxas de mortalidade de covid-19 do Estado de SP. Apenas 20 pessoas vieram a óbito

Vinicius Mariano
Revista Oeste
O prefeito de Porto Feliz, dr. Antônio Cássio Habice Prado, sugeriu, em entrevista à Revista Oeste, mais leitura e estudo aos que são contra o tratamento precoce com cloroquina contra a covid-19, tratamento este que o prefeito, como médico, adotou desde o começo no Município do interior paulista, o qual tem um dos menores índices de mortalidade da doença no estado de SP.

Os resultados com o tratamento preventivo com cloroquina, azitromicina e ivermectina não poderiam ter sido outros: apenas 20 pessoas morreram de covid-19 em Porto Feliz. Todas essas que morreram não aceitaram o tratamento com esses remédios. Assim, dr. Cássio foi reeleito em 2020 com 92% dos votos válidos e reconduzido para um segundo mandato como prefeito, conforme noticiou o Tribuna Nacional na época das eleições.

Diferentemente da recomendação do ex Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o prefeito da cidade orienta os pacientes a procurarem um médico já nos primeiros sintomas da doença, para garantir que ela seja combatida o mais rápido possível. 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »