14/12/2020 às 10h23min - Atualizada em 14/12/2020 às 10h23min

Fabricante da Coronavac admite não ter dados sobre eficácia da vacina

No entanto, o governador de São Paulo vem pressionando o Ministério da Saúde a comprar a CoronaVac, mesmo sem tais evidências

Vinicius Mariano
O dono da empresa Sinovac, Yin Weidong, que irá fabricar a vacina contra o coronavírus CoronaVac em parceria com o instituto Butantan, admitiu à agência de notícias norte-americana Bloomberg que não dispõe de dados sobre a eficácia dessa vacina. Segundo Weidong, a divulgação desses resultados está prevista para janeiro de 2021.

O laboratório estatal da Indonésia, PT Bio Farma, anunciou que seus testes revelaram “eficácia” de 97% da Coronavac, no entanto, a instituição voltou atrás após a Sinovac anunciar que também não tem resultados sobre a eficácia da vacina que produz, algo que nem mesmo o Instituto Butantan tem até o momento.

Histórico de corrupção
A Sinovac tem histórico de suborno, segundo informações do Washington Post que o Tribuna Nacional trouxe nesta matéria. Os casos, que ocorreram de 2001 a 2016, levaram à prisão na China diversos membros do governo chinês, que acataram tais propinas, como Yin Hongzhang, que fora condenado a 10 anos em 2017 por aceitar propina não só da Sinovac como também de outras empresas
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »