01/12/2020 às 19h25min - Atualizada em 01/12/2020 às 19h25min

Kassio Nunes paralisa julgamento sobre Bolsonaro bloquear usuários nas redes

Ministro do STF já tinha tomado decisão parecida envolvendo o mesmo assunto

Vinicius Mariano
Último Segundo
O ministro Kassio Nunes , do Supremo Tribunal Federal (STF), pediu destaque e interrompeu o julgamento que vai decidir se o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pode ou não bloquear usuários nas redes sociais.

O pedido de destaque por Kássio foi apresentado no último sábado (28), um dia após o julgamento ter começado com o voto da ministra Cármen Lúcia, relatora do processo, que votou para que o presidente não possa bloquear internautas. Segundo a ministra, o bloqueio por parte do presidente é "antirrepublicano" e contraria os princípios da democracia ao excluir do debate o cidadão que "não o adule" em seus comentários.

Com a decisão de Kassio, o julgamento sai do plenário virtual e, obrigatoriamente, vai para o plenário físico. O processo agora precisa ser pautada pelo ministro Luiz Fuz, presidente da Corte. Ainda não há data prevista para que o julgamento ocorra.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »