15/09/2020 às 01h46min - Atualizada em 15/09/2020 às 01h26min

Tadashi Kadomoto, o Pantanal e o Governo.

O que não está certo nisso tudo de errado?

Claudia Ribas
No início da falsa pandemia, quando a esquerda comunista queria que o mundo acreditasse que a Covid-19 chegou para matar metade da humanidade e dessa forma sequestrou consciências, Tadashi Kadomoto - Terapeuta transpessoal, com formação em PNL e escritor criou uma live de meditação diária em dois horários diferentes - às 6 e às 20 horas. Essa live transformou-se em um refrigério, verdadeiro talento oferecido para curar o mundo das mazelas que assolam a humanidade.
Conheci essa live através de uma amiga e passei a meditar todos os dias com mais de 23. 000 (vinte e três mil) pessoas. Um bálsamo, né? Do início ao fim a live envolve de forma bastante significativa quem está do lado de cá da tela. A ideia que ele nos sugere é convidar amigos se estamos nos sentindo bem e alcançamos algum resultado positivo com a meditação, além, claro, das sugestões dos seus livros. Super entendo, de verdade!
Passei a admirar o Tadashi e o seu desprendimento oferecendo o seu talento pelo bem e cura da humanidade.
Dois dos seus mantras mais repetidos nos últimos meses:
1 - “Que haja amor, compaixão e paz, entre todos os seres do Universo”
2 - "Vamos ser feliz"
Estimulada pelo "bem feitor Tadashi", criei o meu mantra, enviei dezenas de convites para os amigos, fiz posts e blá blá blá.
Certo dia abri o meu Instagram e vi que o Tadashi estava fazendo uma live com a Astrid Fontenelle. Achei estranho, mas decidi assistir. Em alguns momentos ela fazia um comentário ou outro sobre o governo de forma negativa, até falar declaradamente mal do Bolsonaro. Não vou entrar em detalhes, essa live está no perfil do Instagram dele e foi para o canal GNT. Enviei uma mensagem pelo direct contando a minha tamanha estranheza, mas ele não visualizou, tentei fazer certo barulho pelo Twitter e Facebook - o silêncio foi total. Refleti e "meditei" sobre o assunto e cheguei a conclusão que a Astrid queria falar para o público do Tadashi, mas que foi sem sucesso, pois ele não se manifestou a favor (e nem contra).
O tempo passou, continuei a meditar com o Tadashi e mais de vinte mil pessoas. Quanta gratidão senti por esses momentos, também dei continuidade convidando amigos...

Enfim chegamos ao dia 14 de setembro de 2020, dia que um dos barulhos na ‘internet’ foi sobre o mago embusteiro Paulo Coelho, escritor de livros vazios, pedindo que estrangeiros boicotassem o Brasil. Passei o dia com sangue nos olhos, mas tudo bem, na meditação das 20 horas com o Tadashi e mais de vinte mil pessoas eu conseguiria transmutar.
Chegou o momento de meditar. Então: "Vamos ser feliz".
Não, não foi o que aconteceu! Logo no início o Tadashi falou sobre o incêndio no Pantanal e detonou o governo. Culpou o governo por um incêndio que todos os "despertos", todos os que saíram da matrix sabem que acontece todos os anos e é criminoso. Não vou falar sobre o incêndio ou, os incêndios - tenho um artigo aqui no Tribuna Nacional sobre esse tema, além de outras fontes confiáveis que também abordam essas tragédias.
Quero falar sobre os manipuladores de consciências, os cooptados, os falsos profetas, os levianos, os doutrinadores, os canalhas de plantão, os sequestradores do livre arbítrio...
Estou decepcionada, fato! Mas, como boa aquariana e patriota, que sou, tenho que falar sobre o ocorrido.
Lobos em peles de cordeiros tentam desconstruir o governo o tempo todo. Eles têm sede do mal. Não se deixem enganar, eles se vestem do bem e se aproveitam da dor, do medo, da ansiedade e das dificuldades que seus comandantes criaram.

Tadashi atacou o governo com doses homeopáticas, desde a live com a Astrid?
O que não está certo nisso tudo de errado?

Após análise das imagens de satélite a Polícia Federal iniciou uma operação em busca dos responsáveis pelas queimadas, pois o incêndio que destruiu 25 mil hectares de áreas de preservação ambiental no Pantanal, em Mato Grosso do Sul, não foi acidental. 

O Vice Presidente Mourão, entra em cena com o maior projeto de controle da Amazônia, contando com o apoio dos satélites da NASA. A ordem é combater queimadas, prender suspeitos e defender a nossa soberania.
A Amazônia é do Brasil!

Senhor Tadashi tentou desinformar o seu público. 

Imagino que o Tadashi ficou mais rico com as lives "0800". O seu instituto teve enorme visibilidade, está vendendo os seus livros como água no verão carioca 42°, os seus cursos e "pacotes evolução" bombando... mais um do mesmo.
Paulo Coelho e Tadashi no mesmo dia - Como é necessário e urgente separar o joio do trigo!

Jesus, o Mestre, disse: E, conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.
Libertem-se! Tive que tomar coragem para escrever esse artigo porque serei bombardeada, mas faço por mim e por tantos que confiaram nesse moço japonês. Sei que estou mexendo com forças poderosas, mas sou destemida. A gente não pode aceitar de braços cruzados ou, pseudoZen, uma calhordice dessas.
#DerreteTadashi

Até a próxima.
Link
Claudia Ribas

Claudia Ribas

Professora, Gestora de Recursos Humanos, escritora, mãe, conservadora, patriota.

Relacionadas »
Comentários »

Você votaria em Bolsonaro para Presidente em 2022?

90.7%
9.3%