20/12/2021 às 17h33min - Atualizada em 20/12/2021 às 17h15min

O Natal

Fatos Importantes por trás dos Mitos

www.estudosdabiblia.net
Dennis Allan
Dia 25 de dezembro é feriado quase universal. Depois de demoradas disputas durante os primeiros séculos após a vida terrestre de Cristo, essa data se tornou a principal para a comemoração do nascimento do Jesus. As tradições, que envolvem uma grande mistura de costumes culturais e adaptações religiosas resultadas de séculos de sincretismo, têm criado um dia cheio de lendas, mitos e fantasias. Enquanto muitos tratam esse dia como comemoração do nascimento de Jesus em Belém da Judeia, poucos param para examinar as Escrituras para separarem os fatos registrados pelos autores do Novo Testamento, na mesma época, e os mitos acrescentados ao longo da História.

Quando lemos os primeiros capítulos dos relatos do evangelho registrados por Mateus e Lucas, descobrimos a base bíblica para vários fatos bem conhecidos. Consideremos alguns desses fatos.

O anjo Gabriel disse para Maria, uma virgem em Nazaré desposada com José, que ela teria um filho que seria, de fato, o filho de Deus e herdeiro legítimo da linhagem do rei Davi. Maria visitou sua parenta, Isabel, que também estava grávida de João, que iria preparar o caminho de Jesus. 

Um anjo apareceu a José em sonho e disse que a gravidez de Maria se devia a um ato milagroso do Espírito Santo, e que ele deveria continuar com seus planos de casar com ela. Disse que o nome do menino seria Jesus (Salvador) e que seria chamado Emanuel (Deus conosco). José obedeceu e aceitou Maria, mas não teve relações conjugais com ela antes do nascimento de Jesus.

José e Maria viajaram para Belém de Judá, e Jesus nasceu nessa pequena cidade. Por não terem encontrado hospedagem melhor, Maria colocou Jesus em uma manjedoura. Anjos anunciaram o grande evento para alguns pastores de ovelhas, e estes vieram visitar Jesus logo após o nascimento. 

Os pais de Jesus cumpriram suas obrigações religiosas com o bebê. Sendo judeu, ele foi circuncidado com oito dias e apresentado no templo depois de 40 dias. Simeão e Ana, dois idosos servos do Senhor, fizeram declarações sobre o menino e ficaram muito contentes pela bênção de vê-lo.

A família permaneceu em Belém por um tempo, talvez quase dois anos, onde ainda estavam quando Deus conduziu alguns magos do Oriente a visitar Jesus, e esses homens lhe deram presentes de ouro, incenso e mirra. Guiados por uma estrela que Deus usou para esse propósito, encontraram Jesus em uma casa. Herodes deduziu que Jesus poderia ter até dois anos de idade quando essa visita aconteceu.

Um anjo falou para José, em sonho, para levar sua família para o Egito, porque o rei Herodes queria matar o menino. José obedeceu, e permaneceram no Egito até depois da morte de Herodes (no ano 4 a.C.). Herodes matou os meninos de até dois anos de idade em Belém e proximidades. Um fato curioso, mas de pouca importância: o nosso calendário, que supostamente conta a partir do ano do nascimento de Jesus, é resultado de um equívoco de cálculo. As informações bíblicas, cruzadas com dados históricos, levam a concluir que Jesus provavelmente teria nascido entre 6 e 4 anos a.C.

José, Maria e Jesus voltaram do Egito e foram morar em Nazaré da Galileia, onde Jesus, seus quatro irmãos e algumas irmãs foram criados (veja Marcos 6:3). Jesus foi um filho obediente a José e Maria (Lucas 2:51-52).

Muitas ideias sobre o nascimento de Jesus não vêm das Escrituras. Não sabemos a data do nascimento, nem quantos magos visitaram. Sabemos que eles não visitaram quando Jesus estava na manjedoura e sim, quando estava em uma casa em Belém. Também não há nenhum registro bíblico de um dia especial para comemorar o nascimento de Jesus. A comemoração do Natal foi introduzida por homens séculos depois, e muitas outras tradições surgiram ao longo dos anos.

Mas o que sabemos das Escrituras é o fato mais importante para todos: “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16).

https://www.facebook.com/estudosdabiblia.net 
https://www.youtube.com/user/estudosdabiblia 


 
Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »